Redes Sociais

Cidades

Pela terceira vez, exigência de novo extintor no carro é adiada

O Ministério encaminhou o pedido de adiamento ao Departamento Nacional de Trânsito (Denatran) e a nova resolução será publicada para a extensão do prazo. A partir dessa publicação oficial, a nova data para a exigência será definida. Quando entrar em vigor, a multa será de R$ 127,69, além de cinco pontos na carteira de habilitação para motoristas que não tiverem o extintor veicular do tipo ABC.

Publicado há

em

O Ministério das Cidades prorrogou por mais 90 dias a obrigatoriedade do extintor veicular do tipo ABC. A data, com validade para 1º de julho, foi prorrogada pela terceira vez consecutiva. O Ministério encaminhou o pedido de adiamento ao Departamento Nacional de Trânsito (Denatran) e a nova resolução será publicada para a extensão do prazo. A partir dessa publicação oficial, a nova data para a exigência será definida.

A multa pela falta do extintor começaria em 1º de janeiro deste ano, mas o governo anunciou o primeiro adiamento da exigência para 1º de abril. Em março, foi adiado para 1º de julho. Quando entrar em vigor, a resolução irá punir com multa de R$ 127,69, além de cinco pontos na carteira de habilitação, os motoristas que trafegarem com extintor que não seja do tipo ABC.

AS 10 MAIS LIDAS