Redes Sociais

Cidades

Tribunal de Justiça suspende greve dos médicos em Rio Preto

Segundo a decisão do vice-presidente, Eros Piceli, os médicos devem suspender a greve até a audiência de conciliação, marcada para sexta-feira (dia 17). Multa diária é de R$ 10 mil.

Publicado há

em

O Tribunal de Justiça (TJ) de São Paulo suspendeu, na tarde desta segunda-feira (dia 13), a greve dos médicos na rede municipal de saúde, que teve início na manhã desta segunda-feira em Rio Preto.  O sindicato da categoria afirmou que mais de 90% entraram em greve. A partir da decisão do vice-presidente do TJ, Eros Piceli, os médicos devem suspender a greve até que a audiência de conciliação, marcada para sexta-feira (dia 17). “Defiro em parte o pedido liminar, para determinar que os médicos municipais de São José do Rio Preto se abstenham de paralisar os serviços até a audiência de conciliação a ser realizada neste Tribunal, sob pena de multa diária no valor de R$ 10.000,00 (dez mil reais)”, consta na decisão do vice-presidente do TJ.

AS 10 MAIS LIDAS