Redes Sociais

Cidades

Mulheres são hospitalizadas após agressões em Rio Preto

Uma das vítimas, está grávida de quase nove e foi agredida por socos e chutes no bairro João Paulo II. Já a segunda foi agredida a pauladas no Lealdade; Ambas permanecem internadas sem risco de morte

Publicado há

em

Duas mulheres, uma delas grávida de nove meses, foram agredidsa pelos sues companheiros em Rio Preto. As vítimas foram socorridas e encaminhadas a hospitais da cidade, onde permanecem internadas.

De acordo com a Polícia Militar, por volta das 5h desta segunda-feira (dia 21), uma ligação anônima ao 190 informava de um possível agressão física no bairro João Paulo II. No local indicado policiais localizaram a vítima, D.D., 27 anos,  grávida de nove meses, lesionada e atordoada.

Questionada, a vítima respondeu aos militares que foi agredida fisicamente, por socos e chutes, pelo seu companheiro. Ela teria ainda relatado aos PMs que é agredida com freqüência pelo autor.

Ela foi socorrida por uma viatura do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) até o Hospital da Criança, onde permanece internada. Segundo assessoria de imprensa do HB, seu quadro de saúde é estável e ela passa por exames.

Na tarde de domingo, outra ocorrência contra uma mulher no bairro Lealdade II. Segundo a PM, a empregada doméstica A.S., 28 anos, e seu companheiro, J.S., idade não informada, tiveram uma discussão. Em determinado momento o homem passou agredir fisicamente sua companheira com um pedaço de pau, desferindo vários golpes contra a mulher.

A vítima sofreu ferimentos na cabeça, braço e perna esquerda. O autor fugiu após as agressões. Populares acionaram a Polícia Militar e o Samu, que encaminhou a mulher até a Santa Casa. Segundo a assessoria do hospital, a vítima sofreu luxação no braço esquerdo e seu quadro clínico é estável, sem risco de morte.

Ambos os casos foram registrados na Central de Flagrantes, mas serão investigados pela Delegacia de Defesa da Mulher (DDM).

AS 10 MAIS LIDAS