Redes Sociais

Cidades

Familiares aguardam resultados de exame de taxista morto em Engenheiro Balduíno

O estado avançado de decomposição do corpo do taxista Bento Gonçalves Cruz dificultou o reconhecimento; Apenas exames laboratoriais, que ficarão prontos em até 30 dias, poderão ajudar na identificação

Publicado há

em

Familiares ainda aguardam a liberação do corpo do taxista Bento Gonçalves Cruz, 63 anos, encontrado morto no último dia 6, na área rural de Engenheiro Balduíno, distrito de Monte Aprazível. O estado avançado de decomposição dificultou o reconhecimento da vítima. Apenas exames de DNA poderão ajudar na identificação.

Na tarde desta terça-feira (dia 13) peritos do Instituto Médico Legal (IML) de São Paulo estiveram Rio Preto para coletar amostras de materiais genéticos da vítima e dos familiares. Os resultados poderão levar até 30 dias para ficarem prontos.

Entenda o caso

O taxista Bento Gonçalves Cruz desapareceu no sábado, dia 5 setembro, depois de ser contratando para fazer uma corrida de Tanabi até Monte Aprazível. Um percurso de aproximadamente 20 quilômetros. 

Familiares estranharam a demora para o retorno de Gonçalves e tentaram por inúmeras vezes contato pelo celular, mas sem sucesso. Na noite do dia 5, foi registrado um boletim de ocorrência de desaparecimento.

No domingo, integrantes do Corpo de Bombeiros, policiais civis e militares iniciaram buscas pelas estradas e canaviais da região. O helicóptero Águia também apoiou nas buscas. 

Ainda no domingo, o carro em que o  taxista estava, um Chevrolet/Corsa, foi localizado em um casa abandonada próximo a Destacamento de Controle do Espaço Aéreo de Tanabi.

Além dos militares, amigos e parentes da Gonçalves também realizaram buscas entre as duas cidades, mas nada encontraram. O corpo só foi encontrado pela polícia após os acusados informarem a localização. 

No dia 6 de outubro, policiais da Delegacia de Investigação Gerais (DIG) de Rio Preto prenderam dois acusados de praticarem o crime contra o taxista. Os dois detidos que mostraram onde o corpo estava.

 

 

AS 10 MAIS LIDAS