Redes Sociais

Cidades

Mãe de menino morto por escorpião vai para o quarto

Mulher estava internada na UTI do Hospital de Base de Rio Preto. Após saber da morte do filho, ela tomou veneno junto com o marido. O pai do garoto morreu no mesmo dia

Publicado há

em

Natália Fernandes Balieiro, de 29 anos, mãe do garoto de Ibirá que morreu após ser picado por um escorpião no dia 3 deste mês, saiu da UTI (Unidade de Terapia Intensiva) do Hospital de Base de Rio Preto e foi para o quarto. Na terça-feira (dia 10) ela saiu do coma e voltou a respirar sem a ajuda de aparelhos. Ao saber da morte do filho, José Lucas da Silva, de 4 anos, ela e o marido dela, Lucas Sanches Silva, tomaram veneno. O homem morreu no mesmo dia. A mulher está internada no HB desde então. Segundo a família, o menino foi picado no dedo do pé quando estava em uma fazenda em Ibirá. A criança foi encaminha ao hospital, mas não resistiu.

 

O estado de saúde de Natáilia foi divulgado pela assessoria do HB na tarde desta quarta-feira, a pedido da paciente e de sua mãe. Confira a nota na íntegra: “A paciente N.F.B. foi transferida da UTI para o quarto na tarde desta quarta-feira, 11 de novembro, sem qualquer sequela ou risco em virtude de ter ingerido veneno. A paciente está estável, consciente, se comunicando e com domínio pleno do corpo e funções. A equipe multidisciplinar do Hospital de Base de Rio Preto irá fazer uma avaliação da paciente nesta quinta-feira. N. e sua mãe solicitaram ao Hospital de Base que sejam transmitidas estas informações”, consta na nota. 

 

 

 

AS 10 MAIS LIDAS