Redes Sociais

Cidades

Operação da PF contra pornografia infantil cumpre mandado na região

A ação, realizada nesta quinta-feira (dia 18) tem como principal objetivo reprimir o compartilhamento e a posse de imagens e vídeos de pornografia infantil na internet. Uma pessoa foi detida no município de Guapiaçu

Publicado há

em

A Polícia Federal deflagrou na manhã desta quinta-feira (dia 18) a ‘Operação Cabrera’, para reprimir o compartilhamento e a posse de imagens e vídeos de pornografia infantil na internet. No total, cerca de 370 agentes cumprem 93 mandados de busca e apreensão, em 17 estados e no Distrito Federal. Na região, um homem foi detido em Guapiaçu.O suspeito tinha armazenado em seus computadores fotos de crianças e adolescentes nuas.

Segundo informações da PF, o atendente de 20 anos – que trabalha em uma lanchonete – criava perfis fakes (falsos) nas redes sociais e se passava por uma falsa agência de modelos infantis. Após o primeiro contato, o rapaz solicitava que as crianças e adolescentes enviassem fotos nuas, como se fizesse parte do processo seletivo.

Segundo o delegado chefe da PF em Rio Preto, André Luiz Previato Kodjaoglanian as vítimas tem entre 6 a 15 anos. O rapaz também teria adminitido que apenas armazenava imagens e não compartilhava. Neste caso, o crime é afiançável e o suspeito poderá responder em liberdade caso pague fiança. Foram apreendidos na casa do suspeito, dois HDs – onde estariam armazenas as imagens, e o telefone celular do atendente. Todo o material recolhido passará por perícia.

A operação acontece no “Dia Nacional de Combate ao Abuso e à Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes”. O nome da ação refere-se à menina Araceli Cabrera Sánchez Crespo, uma brasileira de 8 anos que foi sequestrada, violentada e cruelmente assassinada em 18 de maio de 1973, em Vitória, no Espírito Santo. 

AS 10 MAIS LIDAS