Redes Sociais

Cidades

Prefeitura de Rio Preto assina acordo com Projeto Guri

A assinatura do acordo de Cooperação entre a Prefeitura de Rio Preto e a Associação Amigos do Projeto Guri é a formalização da parceria entre as Secretarias Municipais de Educação, Cultura e a AAPG

Publicado há

em

Nesta quarta-feira, 25 de abril, 10 horas, o prefeito Edinho Araújo assina o acordo de cooperação entre a Prefeitura de Rio Preto e a Associação Amigos do Projeto Guri (AAPG). A AAPG será representada por sua diretora executiva, Alessandra Costa.

A assinatura do acordo de Cooperação entre a Prefeitura de Rio Preto e a Associação Amigos do Projeto Guri é a formalização da parceria entre as Secretarias Municipais de Educação, Cultura e a AAPG. Participam também da ação, a Secretaria Municipal de Educação, Sueli Costa e o Secretário de Cultura, Pedro Ganga.

A assinatura será na nova sede do Guri em Rio Preto, a Escola Municipal de Ensino Supletivo “Professor Ademir Adib”, localizada na Rua São João, 1765, na Vila Zilda.

O trabalho conjunto entre a Prefeitura e o Projeto Guri é mediado pela Secretaria Municipal de Cultura. A Secretaria de Educação disponibilizou algumas salas no prédio da Escola Municipal de Ensino Supletivo “Professor Ademir Adib” para as aulas e administração do Projeto.

A missão do Projeto Guri é promover a inclusão sociocultural, por meio do ensino da música para crianças e jovens, premissa complementar às ações formativas da Secretaria Municipal de Cultura.

Guri Rio Preto

O Polo do Projeto Guri em Rio Preto oferece 531 vagas, de 17 instrumentos diferentes: Violão, Viola caipira, Cavaco, Violino, Violoncelo, Viola clássica, Contrabaixo Acústico, Percussão, Canto coral, Fundamentos da música, Iniciação musical, Saxofone, Clarinete, Trompete, Flauta transversal, Trombone e Eufônio. Atualmente, o Guri contra com 404 alunos matriculados.

O Projeto conta com 16 educadores, além de Coordenadora de polo, auxiliar de coordenação, dois auxiliares de polo e um aprendiz, totalizando 21 funcionários.

São, ao todo, 60 turmas de alunos, nos períodos da manhã, 8 às 11h e tarde, 13h30 às 18h. O público-alvo são crianças e adolescentes de 6 a 18 anos incompletos. A única exigência para participar do programa é que o aluno esteja regularmente matriculado na rede de ensino regular. A participação é gratuita.

Os objetivos do Projeto Guri em Rio Preto são promover, com excelência, a educação musical e a prática coletiva da música, tendo em vista o desenvolvimento humano de gerações em formação.

O Projeto

O Projeto Guri é um programa da Secretaria de Estado da Cultura que oferece, nos períodos de contra turno escolar, cursos gratuitos e de acesso universal, de iniciação musical, canto coral, instrumentos de cordas dedilhadas, cordas friccionadas, sopros, percussão e bateria, teclado. Atende a crianças, adolescentes e jovens (entre 6 e 18 anos nos Polos e Polos Regionais e de 12 a 21 anos nos Polos Fundação CASA) que são beneficiados com 2 a 5 horas semanais de aulas coletivas, dependendo do estágio de aprendizagem em que se encontram. Os alunos do Projeto Guri são considerados em sua integralidade, e as equipes estão capacitadas para direcionar demandas de natureza social que prejudiquem o acesso, permanência e o aproveitamento nas aulas, por meio da articulação das Redes Locais que compõem o Sistema de Garantia de Direitos da Criança e do Adolescente – SGDCA.

O Projeto Guri tem uma política de acesso universal, mas também inclusiva, portanto, abrangente. Isto significa que não há determinância de nível social, cultural e de aprendizagem musical para matrícula de alunos. Contudo, para o alcance da Política Pública da Secretaria da Cultura do Estado de São Paulo, que objetiva o amplo acesso a todos os cidadãos aos bens e direitos culturais e principalmente aqueles em situação de vulnerabilidade, há a meta de atendimento de, no mínimo, 70% de alunos em condição vulnerável. Como referencial do indicador de vulnerabilidade, será observada, como principal variável, a renda familiar per capita de até 3/4 do salário mínimo vigente. É papel do Projeto Guri trabalhar para minimizar as desigualdades que podem ser analisadas sob distintos ângulos (financeiro, cognitivo, afetivo, cultural, entre outros), buscando um equilíbrio nas condições do aluno para acessar integralmente o projeto. Ao detectar as demandas específicas dos alunos, a equipe do Projeto Guri articula a rede de serviços existentes no município ou região e acompanha o encaminhamento das demandas por parte dos órgãos ou serviços. Desta forma, busca minimizar a evasão dos alunos em situação de vulnerabilidade econômica e social.

Serviço:

Assinatura do Acordo de Cooperação entre a Prefeitura

de São José do Rio Preto e a Associação Amigos do Projeto Guri (AAPG)

Dia: 25 de abril, 2018

Hora: 10h

Local: Escola Municipal de Ensino Supletivo “Professor Ademir Adib”

R. São João, 1765 – Vila Zilda, São José do Rio Preto – SP, 15025-025, Telefone: (17) 3233-1095

 

AS MAIS LIDAS