Cidades

Ministério da Educação fecha curso de Medicina em Fernandópolis

A decisão, publicada hoje no Diário Oficial da União, permite que a escola conclua o curso para os alunos matriculados e que não conseguirem se tranasferir

Decreto publicado hoje, 31 de março, terça-feira, no Diário Oficial da União, fecha o curso de medicina da Universidade Brasil, campus de Fernandópolis. Ele é assinado pelo secretário de regulação e supervisão da Educação Superior. Ainda segundo texto, os alunos que estão matriculados devem ser transferidos. Caso haja dificuldade, a escola pode manter o curso até os alunos se formarem.

 A Universidade Brasil é acusada de venda de vagas e de transferir alunos de outros cursos da área de saúde, de campus que ela mantém em várias cidades, para a Fernandópolis, cobrando para isso até R$ 120 mil. As acusações partiram dos próprios alunos. 

As transferências aconteciam após os alunos conseguirem financiamento estudantil pelo Fies. A fraude, segundo as investigações, pode ter rendido aos cofres da universidade R$ 500 milhões. O dinheiro é do Governo Federal. As possíveis fraudes também teriam ocorrido através do ProUni – Programa Universidade Para Todos – bancado pelo Ministério da Educação.

Para ler o decreto, clique no link abaixo:

http://www.in.gov.br/en/web/dou/-/despacho-n-31-de-30-de-marco-de-2020-250407493

Por Rubens Celso Cri em 31/03/2020 12:56