Redes Sociais

Cidades

Fogo do IPA se espalha e chega ao Quinta do Golfe

O Corpo de Bombeiros está no local assim como pessoal de secretarias, defesa civil e funcionários de usinas

Publicado há

em

O incêndio da grande proporção que queima da Estação Ecológica, no antigo IPA, se alastrou e chegou  ao complexo Quinta do Golfe.

Bombeiros, Defesa Civil e funcionários de secretarias municipais estão no local. 

Segundo informações iniciais, o fogo que queima áreas do antigo IPA ardem há três dias e agora chega a área urbana. Embora tenha recebido ajuda de Defesa Civil, secretarias municipais e caminhões pipas, o Corpo de Bombeiros viu as chamas atravessarem a noite.

Prevenção

Por meio de nota, a prefeitura de Rio Preto explicou que coordena um comitê permanente de prevenção e combate às queimadas formado por todas as instituições direta e indiretamente envolvidas com a Floresta Estadual do Noroeste Paulista. Com reuniões mensais e contatos permanentes, Fatec, Defesa Civil, Guarda Municipal, Polícia Militar Ambiental, Corpo de Bombeiros, Cetesb, Unesp e uma usina da região, traçam estratégias para evitar queimadas durante todo o período de estiagem.

Neste ano, os encontros tiveram início ainda em fevereiro, quando as chuvas ainda eram frequentes. “Criamos campanhas educativas e estratégias de monitoramento. Infelizmente, ainda há pessoas que invadem a área deixando resíduos que podem provocar o início do fogo”, explicou o coronel Carlos Lamin, chefe da Defesa Civil de Rio Preto.

Foram construídos 38 quilômetros de aceiros (faixas desmatadas) para evitar que o fogo se alastre de uma parte para outra da área. Porém, quando o incêndio ocorre simultaneamente a rajadas de vento, as chamas conseguem transpor essas barreiras – como ocorreu na quarta-feira.  

AS MAIS LIDAS