Cidades

Morador de condomínio de luxo é preso em Rio Preto por tráfico de drogas

Ele comercializava haxixe, skunk e shatter, substâncias diferenciadas e que custam dez vezes ou mais o preço da maconha tradicional

Na manhã desta quinta-feira, dia 3 de dezembro, policiais civis da DISE/ DEIC, de São José do Rio Preto, prenderam em flagrante um rapaz de 26 anos, cujo nome não foi divulgado pela polícia. O homem mora em um condomínio de prédios de alto padrão, da zona sul de Rio Preto. O nome do condomínio também não foi informado pela polícia.

Depois de acompanhar e realizarem algumas diligências, os policiais descobriram que o jovem estava vendendo drogas em um círculo fechados de usuários de classe média e alta, comercializando maconha de várias variedades para conhecidos.

A equipe que investiga o caso solicitou à Justiça mandado de busca e apreensão no apartamento do suspeito, e encontrou uma grande variedade de maconha, como haxixe, skunk e shatter, substâncias diferenciadas e que custam dez vezes ou mais o preço da maconha tradicional.

Os investigadores localizaram também cogumelos alucinógenos (muito perigoso à saúde) e ecstasy. Dinheiro da mercadoria ilícita, balança de precisão e apetrechos para manipular e subdividir o narcótico também foram encontrados. O indivíduo foi conduzido à sede da DEIC e preso em flagrante por tráfico de drogas.

Por Da Redação em 03/12/2020 11:20