Cidades

Homem tenta comprar medicamento controlado com receita falsificada

Suspeito usou receita médica falsificada de posto de saúde de Bady Bassitt para comprar “Ritalina” em farmácia

O proprietário de uma farmácia na Vila Redentora, em Rio Preto, procurou a Polícia Civil para denunciar o uso de receita médica falsa. O caso teria acontecido na semana passada, mas a polícia teve conhecimento do fato na última sexta-feira (22).

De acordo com o boletim de ocorrência, o empresário de 40 anos disse aos policiais que um desconhecido entrou na farmácia e solicitou a compra de Ritalina (medicamento controlado de tarja preta, indicado para o tratamento do transtorno de déficit de atenção e hiperatividade em crianças e adultos) com uma receita médica.

No momento da compra, os funcionários constataram que a receita era falsa e usava o nome do posto de saúde de Bady Bassit. A venda não foi realizada e a receita ficou retida na unidade.

Os responsáveis informaram a Vigilância Sanitária sobre o caso. As imagens do circuito de segurança do local foram apresentadas para a Polícia Civil. Ninguém foi preso.

Falsificar receita médica é crime. A pena é de um a cinco anos de reclusão, além do pagamento de multa.

 

Por Da Redação em 23/01/2021 10:20