Cidades

Após quase perder a vida para a Covid-19, médica retoma as atividades na UTI Neonatal do HCM

Dra. Luciana de Grande, neonatologista do Hospital da Criança e Maternidade (HCM) ganhou emocionante recepção hoje, dia 6, dos colegas de trabalho

Dra. Luciana de Grande, neonatologista do Hospital da Criança e Maternidade (HCM) de Rio Preto e médica da Fundação há 20 anos, ganhou uma emocionante recepção hoje, 6 de abril, dos colegas de trabalho. Isto porque ela quase perdeu a luta contra a Covid-19, que a deixou 25 dias na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital de Base, sendo 10 destes intubada.  

Ao entrar na unidade onde trabalha, após 4 meses afastada do HCM para recuperar-se da doença, Dra. Luciana deparou-se com o corredor formado por colegas empunhando cartazes com boas vindas e declarações de afeto. Choro e muita emoção tomaram conta dos profissionais que participaram e presenciaram este momento especial.

“É muito bom estar de volta! A gente fica com medo de não estar totalmente recuperada e de não conseguir retornar às atividades como antes. Porém, depois desta demonstração tão linda de carinho, dá muito ânimo e confiança. Muito obrigada, vocês são demais”, agradeceu.

A médica do setor Dra. Fernanda Micheloni resumiu a mistura de sentimentos de todos por receberem a mais do que colega de trabalho, a amiga, de volta. “Estamos radiantes. Acompanhamos, extremamente angustiados, a luta e o sofrimento da Luciana. Ela ficou muito grave, mas sempre mantivemos o pensamento positivo para viver este momento. A gente te queria de volta para sempre, do jeitinho que aconteceu hoje”, disse Dra. Fernanda, emocionada.

Por Da Redação em 06/04/2021 17:02