Cidades

Ultrapassagem indevida teria provocado capotamento em vicinal de Rio Preto

O acidente foi na noite de ontem. Duas pessoas estavam no veículo

Uma mulher de 22 anos e o marido dela de 26, estavam num veículo Gol, por volta das 20 horas de ontem, 7 de abril, na Estrada Vicinal João Parise, entre Rio Preto e o distrito de Engenheiro Schmitt, no sentido bairro centro, quando sofreram um acidente e o veículo onde estavam capotou.

Segundo informações do boletim de ocorrência, no sentido contrário da via, onde existe uma faixa dupla contínua amarela, o que indica que é proibido ultrapassar, havia uma fila de veículos. Em certo momento um Ford Ka teria forçado a ultrapassagem, invadindo a pista contrária.

A mulher, que dirigia o Gol, para evitar uma batida frontal, jogou o carro para o acostamento, mas perdeu o controle e acabou capotando. De acordo com ela, o acostamento tem buracos e não é asfaltado. Como ela perdeu o controle do carro, o veículo acabou capotando. O motorista do Ford Ka não parou para prestar socorro e fugiu.

Uma unidade de resgate foi acionada, porém o casal teve apenas ferimentos leves e não precisou ser encaminhado para um hospital.

A Polícia Militar esteve no local e acionou a Polícia Civil. O casal contou o que tinha acontecido e foi liberado em seguida. O veículo Gol estava em situação regular e também foi liberado para as vítimas, que providenciaram a retirada do carro do local do acidente.

Por Fabrício Santana em 08/04/2021 12:14