Cidades

Prefeitura intensifica limpeza de bueiros e bocas de lobo nas regiões da cidade

Lixo jogado nas ruas pela população contribui para entupir galerias de água pluvial

A Prefeitura de Rio Preto, por meio da Secretaria de Serviços Gerais, intensifica nos meses de novembro e dezembro a limpeza de bueiros e bocas de lobo em todas as regiões da cidade.

De acordo com o secretário Ulisses Ramalho, esse serviço ocorre anualmente como uma ação preventiva no período que antecede o aumento das chuvas, evitando assim o entupimento desses escoadouros e consequentemente as enchentes em ruas e avenidas da cidade, como explicou Ramalho.

"Os coordenadores e funcionários do departamento de limpeza urbana da secretaria fizeram nos últimos meses um rastreamento dos pontos mais críticos e onde são registrados entupimentos constantes por conta do excesso de lixo que se acumula", disse o coordenador da secretaria de Serviços Gerais Marcos Rogério Castro.

Já o coordenador da equipe de limpeza dos bueiros Antonio Carlos dos Santos afirma que sua equipe notou um aumento muito grande na quantidade de lixo e do número de bueiros entupidos. “Fizemos um mutirão de limpeza desses mesmos locais no mês de julho e agosto/2021 quando limpamos mais de 600 fossos. Agora, menos de três meses depois, recebemos reclamação todos os dias de bueiros entupidos novamente”, relata.

Os bueiros estão mais cheios de materiais descartáveis como garrafas pet e de vidro, restos de roupas velhas, calçados, muitos pedaços de madeiras, areia e entulhos de construção além de folhas e outros objetos.

"Por dia são limpas em média cerca de 10 bocas de lobo/bueiros; na semana conseguimos limpar e desentupir cerca de 50 a 60 locais diferentes. Esta semana nos concentramos na região do bairro Santo Antônio, onde estamos limpando os bueiros manualmente e também desentupindo os tubos com o caminhão hidrojato. Muitas galerias de água, de até 150 metros ou mais que estão completamente entupidas de tanto lixo, dão  serviço para uma semana direto. Se a população não ajudar e fizer a sua parte, parar de jogar lixo dentro das valas, fica difícil fazer esse serviço de limpeza, vai acabar estourando tudo”, afirma o coordenador do mutirão.

MATERIAIS MAIS ENCONTRADOS: caixas de papelão, pedaços de madeira, móveis quebrados, panos e roupas velhas, calçados, latas de refrigerantes, garrafas de vidro e pet, além de muita areia e restos de materiais de construção civil.

DENÚNCIA DE BUEIROS E BOCAS DE LOBO ENTUPIDAS:
Fone:   3212-6310

Por Da Redação em 01/12/2021 16:57