Redes Sociais

Cidades

Por vício em drogas, filho bate a cabeça do próprio pai contra a parede

Rapaz tentou fugir, mas foi detido e relatou apenas que ele havia sido agredido

Publicado há

em

Divulgação/Ilustrativa

Pai e filho trocaram agressões nesta quarta-feira (5) na Vila Toninho e precisaram de atendimento médico. De acordo com informações do boletim de ocorrência, a briga aconteceu porque o rapaz é dependente químico e foi cobrado pelo pai por esta furtando objetos da casa onde moram.

Policiais militares declaram na Central de Flagrantes que era por volta de 21h45, quando receberam uma chamada para atendimento a caso de desentendimento familiar. Assim que chegaram ao local, encontraram com a vítima, 61 anos, saindo do imóvel todo ensanguentado. Logo em seguida, o filho, 26, também saiu coberto de sangue, mas tentou fugir dos policiais.

Poucos metros à frente, no entanto, foi detido por outros agentes que prestavam apoio. O idoso contou “que havia sido agredido pelo filho. Ele é usuário de drogas e vem praticando furtos em casa para manter o vício. Por isso, resolveu conversar com ele e tirar satisfações. Neste momento, o jovem veio para cima e começou a lhe dar socos, além de bater a cabeça dele contra a parede. Conseguiu pegar uma cadeira, em seguida, e acertar a nuca do filho, momento em que a polícia chegou”.

Após ser contido, o rapaz disse apenas “que havia sido agredido pelo pai”. Ambos foram conduzidos até a UPA Vila Toninho, receberam atendimento médico e depois levados à delegacia. O delegado de plantão determinou a confecção do registro policial e expedição de requisição para exame de corpo de delito à vítima, a ser realizado no IML.

Por fim, o pai foi orientado quanto ao prazo de seis meses que tem direito a representar criminalmente (processar) contra o próprio filho, devido às agressões recebidas. O caso foi encaminhado à delegacia correspondente a área dos fatos, onde será alvo de investigação.

AS MAIS LIDAS