Redes Sociais

Cidades

Paulistana é detida tentando entrar no CPP com drogas na genitália

Questionada, mulher confessou que receberia R$ 1 mil pela entrega após a visita

Publicado há

em

Divulgação/Ilustrativa

Uma mulher de 34 anos foi presa em flagrante neste domingo (26) tentando entrar no CPP de Rio Preto com maconha dentro do região genital, com intenção de entregar para o companheiro, reeducando da unidade prisional, de 26 anos. De acordo com informações do registro policial, a suspeita trouxe a droga da capital paulista.

Agentes penitenciários relataram na Central de Flagrantes que trabalhavam no CPP, escalados para a revista no aparelho de scanner corporal nos visitantes. Ocorre que, por volta de 12h30, uma mulher foi submetida a vistoria no aparelho, momento em que perceberam uma imagem anormal na região genital.

Identificada, a suspeita disse que “estava ali para visitar o companheiro, que conheceu há dois meses na capital paulista, quando ele estava na ‘saidinha’ temporária. Uma agente mulher, se dirigiu com ela para uma sala reservada, onde a mulher expeliu da genitália um embrulho com maconha dentro”.

Novamente questionada, alegou que “é de São Paulo e que o companheiro lhe pediu para que pegasse aquela substância ilegal na estação rodoviária do Jabaquara e que trouxesse durante a visitação. sendo que após a entrega, receberia R$ 1 mil de uma pessoa desconhecida antes de retornar para a capital”.

Após isso, ela recebeu voz de prisão e foi encaminhada ao plantão policial. Na delegacia, apresentada junto da droga, a mulher, que não ostentava antecedentes criminais, teve a voz de prisão ratificada pelo delegado, que ainda expediu requisição para exame dela de corpo de delito no IML. A suspeita permanece presa e à disposição da Justiça, ao menos até a audiência de custódia. O caso vai ser investigado pela Polícia Civil.

AS MAIS LIDAS