Redes Sociais

Cidades

Polícia prende autor de roubo contra mulheres em Neves Paulista

Homem abordou vítimas armado com uma marreta e foi preso um dia depois, em Jaci

Publicado há

em

Divulgação/Polícia Militar

Um técnico em eletrodomésticos foi preso, na manhã desta terça-feira (5), em Jaci, acusado de ter roubado uma residência em Neves Paulista. O crime aconteceu na manhã de segunda-feira (4), depois que o homem invadiu o imóvel, armado com uma marreta.

Segundo informações da Polícia Militar, após tomarem conhecimento do roubo, a corporação decidiu verificar imagens do circuito de segurança de Neves Paulista e identificou um veículo suspeito, uma pick-up com adesivos de uma empresa de assistência técnica em eletrodomésticos. O mesmo veículo foi localizado no centro de Jaci, na manhã desta terça-feira e, abordado, o condutor confessou o crime.

Ainda de acordo com a PM, o homem disse em depoimento que usou a marreta para simular que era uma arma durante o crime, mas que tinha o objetivo de desmaiar as vítimas, caso elas resistissem. Ele disse que escolheu a casa de Neves Paulista depois de realizar o conserto de uma geladeira para uma das vítimas e sabia que só havia mulheres no local.

Os objetos, produtos e roupas usadas no crime, ainda de acordo com o técnico, foram jogados na calha do Rio Preto, na Avenida Philadelpho Gouveia Neto, em Rio Preto. Em seguida, o homem tentou atear fogo no carro roubado da casa para apagar possíveis evidências do crime.

Depois de confessar o crime, o técnico foi levado à Delegacia de Neves Paulista. O homem tem antecedentes criminais, inclusive pelo crime de homicídio. Ele foi ouvido e liberado por não ter sido preso em flagrante.

Vítimas mulheres

O crime aconteceu na manhã de segunda-feira (4), no centro de Neves Paulista, e as vítimas foram duas mulheres, uma idosa e a cuidadora dela. De acordo com a Polícia Militar, as mulheres disseram que a cuidadora entrou e deixou a porta destrancada, possibilitando que o homem entrasse no imóvel.

As vítimas foram amarradas com cadarços e fitas, em seguida, roubadas. Elas relataram aos policias que o homem perguntou sobre objetos de valor e dinheiro na casa, além de ameaçar dizendo que sabia de detalhes da vida particular de cada uma delas.

Foram levados um celular e cartões bancários da idosa, além do veículo. O carro foi localizado ainda dentro da cidade, parcialmente queimado.

AS MAIS LIDAS