Redes Sociais

Cidades

Durante a chamada ‘saidinha’, homem espanca companheira e acaba preso

Vítima, no entanto, fugiu do plantão policial antes mesmo de ser atendida pelo delegado

Publicado há

em

Divulgação/Ilustrativa

Beneficiado pela chamada ‘saída temporária’, detento foi preso na madrugada desta quarta-feira (12) em Rio Preto por agressão a companheira e posse de drogas. As informações constam de um boletim de ocorrência. De acordo com o documento, os fatos aconteceram por volta de 1h50 no bairro Jardim das Oliveiras.

Policiais militares relataram na Central de Flagrantes que realizavam patrulhamento de rotina, quando foram acionados devido a um caso de violência doméstica. No endereço, assim que chegaram, escutaram gritos da vítima, de 34 anos. Entraram no local e se depararam com a mulher caída no chão, chorando.

Ela disse aos agentes que “o companheiro [pintor de 27 anos] deixou a cadeia na terça-feira beneficiado pela saída temporária e que teve uma crise de ciúmes, acertando-lhe vários socos e chutes, que atingiram o corpo e a cabeça”. O suspeito estava na residência, onde encontraram junto a carteira dele, duas porções de maconha, que confessou “serem para consumo próprio”.

As partes envolvidas foram conduzidas até a Central de Flagrantes, mas a vítima, curiosamente, fugiu do local antes mesmo de ser atendida pelo delegado. Examinas as versões e depoimentos, a autoridade policial determinou a voz de prisão em flagrante (válida por no máximo 24 horas) do suspeito e já a converteu para preventiva (até 90 dias).

Foi instaurado inquérito policial para investigar o caso e o pintor permaneceu preso, sem direito a fiança e à disposição da Justiça.

AS MAIS LIDAS