Redes Sociais

Cultura

FIT é lançado com pelo menos 28 apresentações de nove países

Festival Internacional de Teatro, considerado um dos principais do Brasil, será realizado entre os dias 23 e 31 de julho

Publicado há

em

A 15ª edição do Festival Internacional de Teatro de São José do Rio Preto, o FIT, foi lançado na manhã desta quinta-feira (dia 18), na Secretaria de Cultura. O festival será realizado entre os dias 23 e 31 de julho. Serão 28 espetáculos nacionais e internacionais, o que consolida o festival como um dos principais do país. O objetivo é propor uma ampla discussão acerca da percepção e reflexão do teatro contemporâneo em suas “caleidoscópicas” formas e conceitos. 

O Festival é uma realização da Prefeitura Municipal, por meio da Secretaria de Cultura, correalização da Poiesis,por intermédio da Oficina Cultural Fred Navarro, e da Renova Projetos e Produções, com o apoio do Governo do Estado de São Paulo, através da Secretaria de Estado da Cultura, por meio do ProAC ICMS – Programa de Ação Cultural com patrocínio do Grupo Tereos Guarani.

O público terá acesso à cultura de nove países diferentes vivenciando os espetáculos e as oficinas Brasil, Espanha, Portugal, Chile, México, Uruguai, Armênia, Itália e França, e à diversidade artística de sete estados brasileiros: São Paulo; Rio de Janeiro; Rio Grande do Sul; Minas Gerais; Ceará; Brasília; e Paraná.

O secretário de Cultura e responsável pelo FIT, Alexandre Costa, explica que esta edição foi pensada para provocar emoções e sensações no grande público e nos artistas, dando amplitude ao fazer e pensar a arte teatral no cenário cultural. “Aproximar ainda mais a população rio-pretense ao FIT é o nosso objetivo principal. No dia 25, vamos promover uma mesa redonda que colocará em pauta o passado, o presente e o futuro do Festival”, diz.

A grade deste ano contempla espetáculos aclamados pelo público e elogiados pela crítica, apontando a contemporaneidade do cenário teatral brasileiro. Peças como “Jardim das Cerejeiras”, da Cia Elevador de Teatro Panorâmico (SP), “O Dia que Sam Morreu”, da Armazém Cia de Teatro, “A Cabeça Oca”, da Cia Talagadá – Teatro de Formas Animadas (SP), “Uma Flor de Dama”; do Coletivo Artístico As Travestidas (CE), “Circo das Baleias”, da Pia Fraus Produções Artísticas (SP), “Amarillo”, do México, e “La Reunión”, do Chile, prometem surpreender e emocionar os espectadores.

AS 10 MAIS LIDAS