GAZETA DIGITAL ISSUU - Gazeta de Rio PretoISSUU - Gazeta de Rio Preto

Cultura

Janeiro Brasileiro da Comédia 2019 se espalha por Rio Preto

17ª edição do JBC traz espetáculos de comédia e humor de 23 a 30 de janeiro

O ano começa com a promessa de muito riso, numa programação que reúne o melhor do teatro nacional de comédia e humor, em suas diferentes vertentes, na 17ª edição do Janeiro Brasileiro da Comédia (JBC) 2019. O festival, realizado pela Prefeitura de Rio Preto, por meio da Secretaria Municipal de Cultura, acontece entre os dias 23 e 30 de janeiro e, neste ano, terá como palco o Teatro Municipal Paulo Moura, localizado no Complexo Swift. O evento foi transferido para o local, por conta de obras no Teatro Municipal Humberto Sinibaldi Neto, onde é tradicionalmente realizado.

Na edição 2019, além da mostra oficial que acontecerá no Teatro Paulo Moura, a novidade é a expansão do JBC com a criação da Mostra Descentralizada. Nela, cada um dos oito espetáculos selecionados para o Janeiro da Comédia faz, além da sessão na Mostra Oficial no Teatro Paulo Moura, também uma sessão extra em um palco alternativo em diferentes locais da cidade – CEU das Artes; Praças nos Distritos de Talhado e Schmitt, além da D. José Marcondes; Centros Culturais Vasco e Manoel Antunes; Eco Santo Antônio e GTR.

A Secretaria Municipal de Cultura recebeu inscrições de cerca de 100 espetáculos de todo o Brasil e oito foram selecionados para compor a grade de programação, além de workshops e ações formativas. Todas as atividades formativas são gratuitas e para os espetáculos da Mostra Oficial, no Teatro Paulo Moura, o público deverá trocar 1 litro de leite (em caixinha) por 1 ingresso. Já as apresentações de espetáculos da Mostra Descentralizada terão entrada gratuita.

Espetáculos

Os espetáculos selecionados para o JBC 2019 são: Flamingos de Fuego (The Pambazos Bros, de São Paulo/SP), Circo de Coisas (Cia Circo de Bonecos, de São Paulo/SP), Desventuras de um Quixote em Terras de um país qualquer ou nenhum (Cia A DitaCuja, de Ribeirão Preto/SP), Animo Festas (La Cascata Cia Cômica-Klaus Empreendimentos Artísticos, de São José dos Campos/SP), João O Alfaiate-Um Herói Inusitado (Etc e Tal, do Rio de Janeiro/RJ), Mistérius (Família Burg, de Campinas/SP), Julia e Julia (Ancathix, do Rio de Janeiro/RJ) e {Entre} Cravos & Lírios (BR SA Coletivo de Artistas, de Brasília/DF).

Histórico JBC

O Festival Janeiro Brasileiro da Comédia foi criado em 2003 para comemorar os 30 anos do Teatro Municipal Humberto Sinibaldi Neto e, em 2019, completa 17 anos de história. O JBC é um projeto composto por mostra de espetáculos nacionais do gênero comédia; atividades formativas; debates, envolvendo artistas participantes e convidados, dentre outras ações.

O processo de avaliação das propostas inscritas foi realizado em três etapas: triagem administrativa com conferência de todos materiais obrigatórios; processo seletivo que vai avaliou o conteúdo das propostas classificadas na primeira etapa e contratação.

A curadoria do JBC é de Jorge Vermelho, assessor da Secretaria de Cultura e a comissão de seleção dos espetáculos foi composta por Bete Dorgan, Hugo Possolo e Tiche Viana, profissionais na área.

Formativas

As ações formativas do JBC 2019 serão compostas por debates, workshops, residência artística e oficinas. Os workshops serão: Montagem de Número, com The Pambazos Bros (São Paulo/SP); O Jogo Clownesco e o Teatro de Objetos, com Cia Circo de Bonecos (São Paulo/SP); Desventuras Na Rua, com Cia Dita Cuja (Ribeirão Preto/SP); Cascatas Cômicas, com La Cascata Cia Cômica (São José dos Campos/SP); Realidade Mímica, com Cia Etc e Tal (Rio de Janeiro/RJ); Repertório Para Palhaço, com Família Burg (São Paulo/SP); Mecanismos de Humor, com Ancathix Produtora (Rio de Janeiro/RJ); O Jogo E O Riso Na Comicidade Física, com BR SA Coletivos de Artistas (Brasília/DF).

Já as oficinas serão Sentidos do Palhaço Contemporâneo, com Hugo Possolo (Parlapatões, Patifes e Paspalhões – São Paulo/SP); Corpo Narrador e Jogos Teatrais, com Camila Turim (São Paulo/SP) e O Cômico Como Linguagem e Território Poético Para o Ator, com Bete Dorgan (USP – São Paulo/SP). Haverá também uma residência artística denominada o Olhar Compartilhado, com Alexandre Mate.

Debates

Os debates são realizados após as apresentações na Mostra Oficial e são espaços de reflexão acerca da fruição da obra apresentada, oferecendo elementos para a análise crítica e entendimento do processo de construção do espetáculo. A mediação dos debates será de Hugo Possolo (Parlapatões, Patifes e Paspalhões) e Alexandre Mate. As inscrições para as formativas já estão abertas e devem ser feitas na Secretaria de Cultura, localizada no prédio da Biblioteca Municipal na Praça Leonardo Gomes (Cívica) nº 01 – 3º andar, Centro. O telefone para mais informações 3202-2313. Confira a programação completa das formativas no portal da prefeitura: www.riopreto.sp.gov.br

Ingressos

ACESSE A PROGRAMAÇÃO COMPLETA

MOSTRA OFICIAL – Para a Mostra Oficial, no Teatro Paulo Moura, o ingresso deve ser trocado por 1 litro de leite (em caixinha), exceto para o espetáculo Desventuras de um Quixote em terras de um país distante ou nenhum, que é gratuito.

MOSTRA DESCENTRALIZADA – Para a Mostra Descentralizada os ingressos são gratuitos.

RETIRADA DE INGRESSOS – Os ingressos serão distribuídos com uma hora de antecedência ao espetáculo, nos locais de apresentação.

Por Da Redação em 09/01/2019 às 15:00
TerrasAlphaville