Cultura

Cantora Bárbara Silva aposta em novo ritmo e lança trabalho inédito nesta quarta-feira

A música “Eu vou acreditando” marca uma importante mudança na carreira da cantora, que passa a investir em seu lado pop misturado com pagode e pagonejo

A cantora rio-pretense Bárbara Silva faz nesta quarta-feira (18) o lançamento de sua nova música “Eu vou acreditando”. A composição que inicialmente tinha uma pegada sertaneja foi adaptada para o pagode e retrata o lado da mulher empoderada no meio musical.

“Essa música foi escolhida a dedo. Nela a mulher descobre que está sendo traída e faz um desabafo de forma musical. Retratando o dia a dia de muitas mulheres e o que passamos. Me considero uma cantora romântica, adoro uma sofrência, seja ela do sertanejo, pagode, r&b, qualquer estilo, e nessa música ela retrata essa sofrência sob a perspectiva feminina”, ressalta Bárbara.

A música “Eu vou acreditando” marca uma importante mudança na carreira da cantora, que passa a investir em seu lado pop misturado com pagode e pagonejo, com shows animados que prometem levantar o público e fazer todos dançarem.

“Eu sempre quis misturar o pop com uma pegada do ritmo brasileiro algo que estivesse em alta, por isso pensei no sertanejo e no pagode. Como boa brasileira sempre fui pagodeira e o samba sempre esteve presente na minha casa. Depois de anos na estrada fazendo eventos decidi tentar a linha do pagode, pagode pop, etc. Tenho muita influência do soul, r&b na minha voz o que me faz pensar nos grandes cantores do estilo como Belo, Ah Mr. Dan e Thiaguinho. O pagode tem muito do Soul mas lembrando que sendo de Rio Preto o sertanejo aparece no repertório no segmento pagonejo. Estou muito otimista com a minha escolha, o meu jeito de cantar”, acrescenta a cantora.

O lançamento da música “Eu vou acreditando”, que é uma composição do Tiago Marcelo junto da compositora Kel Bertin e Augusto Menezes vem acompanhado também do lançamento de videoclipe, que será na quinta-feira (19). O trabalho estará disponível em todas as plataformas digitais.

A carreira

Bárbara nasceu em uma família onde a música sempre esteve presente. Seu avô era músico de jazz e sua mãe amava cantar. Apaixonada por cantar, Bárbara começou sua história na música aos 13 anos, quando começou a participar de karaokês e passou por escolas de música rio-pretenses como Amadeus Mozart, Bizet e Blue Note.

Em 2009, aos 18 anos a jovem cantora deixou Rio Preto e foi dedicar-se à música em São Paulo, onde estudou no Souza Lima - Faculdade e Conservatório Musical.

Ao completar 20 anos ela se mudou para Boston, onde estudou no Berklee College of Music, considerada uma das maiores faculdades de música do mundo.

Nos Estados Unidos, Bárbara se apresentou-se com Alejandro Sanz em dois eventos, sendo um na faculdade e outro no Grammy Latino. Ela também dividiu o palco com Jetro da Silva (o ex-tecladista de Whitney Houston), Siedah Garrett (back in vocal de Michael Jackson), o baterista Anthony Steele (BrianMcKnight) e Gabrielle Goodman (Roberta Flack). De volta ao Brasil, a cantora se dedica ao pagode, pagonejo e pop.

 

Por Da Redação em 17/11/2020 16:44