Economia

Universidade Brasil gera energia solar equivalente a 7 mil árvores

O painel da central geradora está instalado no campus de Fernandópolis

No primeiro semestre de 2020, a Usina Solar instalada no Campus de Fernandópolis da Universidade Brasil produziu cerca de 390 mil quilowatts-hora de energia elétrica. Desde o início de sua operação, em fevereiro de 2019, a Usina Solar gerou 1,07 GWh (giga watt-hora) de energia renovável, evitando a emissão de cerca de 953 toneladas de dióxido de carbono (CO²) na atmosfera.

Outros gases de efeito estufa também foram evitados graças à energia limpa: 1.568 kg de óxido de nitrogênio e 5,45 kg de dióxido de enxofre. Assim, a energia limpa gerada pela Usina Solar de Fernandópolis equivale ao plantio de cerca de 7.250 árvores.

Além do que já está sendo feito, a Universidade Brasil, preocupada com o desenvolvimento sustentável e as demandas ambientais de nosso tempo, iniciou estudos visando ampliar em cerca de 50% a capacidade da Usina Solar de Fernandópolis, aumentando a produção de energia renovável. Também está em andamento um diagnóstico objetivando implementar medidas de eficiência energética.

Estudos revelam que a cada tonelada de emissão de CO² é necessário o plantio de 7,14 árvores para que o planeta não sofra os danos causados por esta emissão.

Por Rubens Celso Cri em 24/07/2020 18:12