Redes Sociais

Nacional

Operação Célula de Fizzer: PF cumpre mandado em Rio Preto

Metal seria extraído em reserva indígena Ianomâmi e vendido em São Paulo. Em Rio Preto foi cumprido um mandado de busca e apreensão na manhã de hoje.

Publicado há

em

Foi deflagrada na manhã de hoje (02), pela Polícia Federal, a Operação Célula de Fizzer. O objetivo da operação é desarticular uma associação criminosa que pode estar envolvida em um esquema de comércio ilegal de ouro. O metal era extraído da Terra Indígena Ianomâmi e vendido em São Paulo.

Em Rio Preto foi cumprido um mandado de busca e apreensão na manhã de hoje. Em Boa Vista, capital de Roraima, outros quatro mandados foram cumpridos.

Todas as ordens judiciais foram expedidas pela 4ª Vara da Justiça Federal de Roraima.

Em janeiro deste ano, quando as investigações tiveram início, a Polícia Federal abordou um homem, em Boa Vista (RR), que iria embarcar para São Paulo. Com ele foi encontrado meio quilo de ouro em forma de cordão e um pingente.

O ouro seria extraído de forma ilegal e vendido em São Paulo, onde os preços seriam melhores. Cada negociação poderia envolver até cerca de dez quilos de ouro.

Todos os alvos são suspeitos dos crimes de Usurpação de Bens da União e de Associação Criminosa, cujas penas podem chegar a 8 anos, além de multa.

 

AS MAIS LIDAS