Redes Sociais

Política

Queda na arrecadação de impostos gera déficit milionário

Segundo balanço divulgado pela Prefeitura de Rio Preto, a previsão era de R$ 760 milhões, mas foi arrecado R$ 716 milhões

Publicado há

em

Relatório resumido de execução orçamentária publicado nesta semana no Diário Oficial do município escancara de vez a queda na arrecadação de Rio Preto. Segundo o balanço divulgado pela Prefeitura, a arrecadação despencou, fi cando cerca de R$ 44 milhões abaixo do previsto pela Secretaria da Fazenda no período. De acordo com a Prefeitura, de janeiro a junho foram arrecadados R$ 716 milhões em receitas correntes, ante ao previsto que se aproximava dos R$ 760 milhões, Vale ressaltar que a receita corrente líquida engloba todos os impostos recebidos como IPVA, IPTU e outros.

Quando se analisa as receitas totais, que envolvem a transferência para obras e empréstimos, o déficit é ainda maior: ultrapassando a marca de R$ 160 milhões,tendo em vista que a meta prevista era superior a R$902 milhões, e entraram nos cofres municipais pouco mais de R$ 742 milhões. Para o vereador Dourival Lemes, líder do governo na Câmara, a queda na arrecadação é refl exo da situação econômica do país. “Vejo com bastante tranquilidade essa queda na arrecadação porque refl ete o que está acontecendo no Brasil. Mas a administração muni-cipal não está parada e ações estão sendo realizadas”,afirmou. O vereador ressaltou ainda que a Executivo buscou alternativas para evitar que queda na arrecadação
prejudique suas previsões orçamentarias. “Para minimizar a queda na arrecadação, o prefeito Valdomiro Lopes lançou o Programa de Pagamento Incentivado (PPI), mas a coisa está tão feia que o povo não tem dinheiro”,disse.

De acordo com Marco Rillo (PT), a crise econômica aliada à atualização do IPTU feita pelo prefeito Valdomiro Lopes (PSB) no ano passado são fatores que contribuíram para a queda na arrecadação. “Desde o início do ano estamos percebendo que a arrecadação está caindo. Mas acredito que o reajuste na tabela, que o prefeito só conseguiu implantar por meio da Justiça, tenha provocado a ampliação da inadimplência”, afirmou. O vereador petista aproveitou para criticar duramente a iniciativa do prefeito de Rio Preto de corrigir o cálculo do IPTU no ano passado. “O Valdomiro sabe que deixará a administração em breve e não está preocupado se a bomba irá explodir nas mãos de quem for seu sucessor”.

AS 10 MAIS LIDAS