Redes Sociais

Política

Vereadores proíbem som alto em posto de combustíveis de Rio Preto

Proposta, que segue para sanção ou veto do prefeito de Rio Preto, Valdomiro Lopes (PSB), teve 15 votos a favor

Publicado há

em

 

A Câmara de Rio Preto aprovou na terça-feira (dia 13) o projeto de lei que proíbe o som de carros nos postos de combustíveis da cidade. A proposta recebeu apoio tanto de parlamentares da oposição, como da base governista durante a sessão no plenário, com 15 votos a favor. “O projeto de lei tem mérito porque mexe com as famílias que estão sendo perturbadas por causa desses sons altos”, disse o vereador Paulo Pauléra.  

Segundo a proposta do vereador Jean Charles (PMDB), o descumprimento da lei prevê o pagamento de multa no valor de R$ 2,2 mil – o que equivale a 50 Unidades Fiscais do Município (UFM). Para Jean Charles, a aprovação do projeto é um alívio para as pessoas que moram nos arredores dos estabelecimentos comerciais. Agora, o projeto de lei segue para sanção ou veto do prefeito de Rio Preto, Valdomiro Lopes (PSB).

 

AS 10 MAIS LIDAS