GAZETA DIGITAL ISSUU - Gazeta de Rio PretoISSUU - Gazeta de Rio Preto

Política

Confira os bastidores da política desta sexta-feira, dia 6 de setembro

O jornalista Rubens Celso Cri traz na coluna Giro Político as principais notícias de Rio Preto e do Brasil

Confidências 
Pela enésima vez o prefeito de Rio Preto, Edinho Araújo, do MDB, teve de responder se é candidato à reeleição no ano que vem durante evento na Prefeitura. Repetiu que ainda não pensa em eleição. Perguntado se é o candidato do governador Dória contra um candidato do Bolsonaro, afirmou que no segundo turno votou no Dória para o governo paulista e para o Bolsonaro para a presidência da República. 

Pupo tucanou
Como adiantado pela coluna há 15 dias, Renato Pupo, do PSD, deve mesmo seguir para o ninho tucano. Quem elucubrava para onde o vereador ia, se esqueceu da história dele, umbilicalmente ligado ao ex-deputado tucano e Promotor de Justiça Fernando Capez. Em 2016 ele deixou de ser candidato à deputado estadual para apoiar o amigo Capez, que naquela eleição, foi reeleito. É o que mais se escuta nos corredores da Câmara Municipal. 

A lombada
O secretário de Trânsito de Rio Preto, Amaury Hernandes, disse que o vereador Anderson Branco está fazendo marola contra ele e os radares porque não foi atendido ao pedir a construção de uma lombada. Branco é autor de projeto que pede a proibição dos radares móveis em Rio Preto. Branco disse que a indústria da multa é tão grande que estão tirando fotos de carros que desobedecem a distância entre um carro e outro com celular para fazer a multa mais depois, na secretaria. Será?

Infração federal 
Hernandes disse que o vereador está equivocado porque essa modalidade de infração só pode ser multada por agente federal. Mas citou uma cidade que utiliza essa artimanha do celular para fazer outros tipos de multas. Mas jurou que aqui em Rio Preto isso não existe. Branco disse que recebeu o flagrante pelo WhatsApp. Mas não mostrou.

Skaf em Rio Preto
Paulo Skaf volta a Rio Preto para uma palestra dirigida a empresários dentro da série “Diálogo pelo Brasil”. Vem falar da conjuntura econômica e das reformas que o país precisa para retomar o crescimento. O evento é gratuito, no auditório do Senai, no dia 13 de setembro, às 9h30. O encontro é promovido pelo escritório regional do Ciesp.

Legítimo, mas sou Edinho
O vereador Paulo Paulera, presidente do diretório municipal do PP em Rio Preto, disse que acha legítima a pré-candidatura de Fausto Pinato, também do PP, à Prefeitura de Rio Preto. Mas que ele vai de Edinho em 2020. Pinato cogita transferir o título para Rio Preto para disputar a prefeitura. O deputado é vice-líder do maior bloco da Câmara Federal. E acha que tem legitimidade para entrar na briga rio-pretense.

O PT se reorganiza
Domingo, durante todo o dia, no Plenário da Câmara, o PT realiza sua Convenção Municipal para escolher o novo presidente do diretório local. A ex-vereadora Cely Regina é a escolhida para tocar o barco e tentar reestruturar o partido na cidade. Quem sai da presidência é o engenheiro civil, sindicalista e marido de Cely, Carlos Henrique. O engenheiro chegou a dizer que Cely chega lá por méritos próprios. Não precisava dizer. Cely tem história própria e é um nome que pode dar novos ares ao petismo na cidade. Até a ex-deputada Beth Sahão, de Catanduva, vem para dar uma força. O PT vai integrar uma frente de esquerda para a disputa pela prefeitura no ano que vem.

 

Por Rubens Celso Cri em 06/09/2019 às 15:00
TerrasAlphaville