GAZETA DIGITAL ISSUU - Gazeta de Rio PretoISSUU - Gazeta de Rio Preto

Política

Confira os bastidores da política desta sexta-feira, dia 4 de outubro

O jornalista Rubens Celso Cri traz na coluna Giro Político as principais notícias de Rio Preto e do Brasil

Gestão Ambiental
A Prefeitura de Rio Preto recebeu 250 e-mails durante a Consulta Pública em que o cidadão podia sugerir mudanças no texto do novo Plano Diretor. Metade dos pedidos foi para alterar a política municipal do Meio Ambiente. Os grupos de ecologistas da cidade se mobilizaram. A maioria pede mudanças nas regras para a ocupação das bacias dos córregos do Moraes e do Biluca. Os dois córregos irrigam a Estação Ecológica e a Floresta do Noroeste Paulista. O córrego do Moraes corta o bairro Quinta do Golfe. 

O mundo gira 
Dia 3, quinta-feira, o prefeito Edinho Araújo disse que o Novo Terminal é bonito, mas não é funcional. Nas suas primeiras passagens pela Prefeitura tentou levar a rodoviária para perto da Vila Toninho, no bairro São Marcos. Tudo a ver. Área grande, ao lado da rodovia Washington Luís. Permitiria a entrada e a saída dos ônibus sem problema. Na época, foi impedido por causa de uma mobilização feita junto aos moradores pelo vereador Pedro Roberto, que era do PC do B. Hoje, no Patriota, eleito pelo PRB, Pedro Roberto faz parte da base de sustentação de Edinho na Câmara Municipal. 

Gato e rato
Marco Rillo, do PT, disse que a direção local da CDHU (Companhia de Desenvolvimento Habitacional e Urbano) brinca com fogo. Convidada para depor na CEV (Comissão de Estudo de Vereadores) para explicar problemas elétricos e hidráulicos de um conjunto habitacional com 1400 unidades que já foi reformado pela empresa, mas nada resolvido. Rillo disse na última sessão da Câmara que a bancada do PT em São Paulo, na Assembleia, tem número para convocar a direção estadual da empresa a prestar depoimento obrigatoriamente. Se a direção local continuar a fazer graça, ele disse que é o que vai acontecer. A brincadeira pode ficar cara.  

Rillo 
O ex-deputado estadual e provável candidato a prefeito de Rio Preto por uma frente de esquerda, João Paulo Rillo, do Psol, caiu na faca. Fez uma cirurgia para a retirada de uma hérnia umbilical no Hospital de Base. 

PSL afia a faca
O médico e presidente do diretório do PSL de Rio Preto, Paulo Bassan, admite participar de uma coligação para a eleição para prefeito de Rio Preto ano que vem. Mas exige que o grupo faça uma coligação programática, ideológica, e nunca pragmática, apenas para vencer a eleição. O PSL, partido do presidente Bolsonaro, terá a maior fatia do financiamento público para a campanha do ano que vem. E avisa aos navegantes: em Rio Preto o maior número de filiados está na periferia, ao contrário do que muita gente pensa. É a nova direita rio-pretense com grana na mão à procura de um nome que faça a alegria da massa. 

Até falho
Durante a apresentação do FEM – Festival de Música Popular Brasileira – em seu gabinete, o prefeito Edinho Araújo falava dos planos para o restante do mandato. Até que, num ato falho, ele disse: “isso eu deixo para o próximo mandato”. Percebendo que entregou a ‘rapadura’, foi rápido no gatilho: “seja quem for o prefeito”.

Por Rubens Celso Cri em 04/10/2019 às 13:50
TerrasAlphaville