Política

Terminal Urbano substitui ambulantes por máquinas de cafés, lanches e refrigerantes

Outra novidade no local, inaugurado em novembro do ano passado, é a Rádio Terminal com notícias de utilidade pública

O novo Terminal de Ônibus Urbano de Rio Preto ganhou essa semana quatro “vending machines”, que são máquinas automáticas de vendas, com moedas ou notas. Elas foram instaladas pela empresa Jinhong Li que venceu a concorrência pública. Funcionam com moedas ou com notas de Real que são colocadas nos dispositivos adequados e liberam o produto ao consumidor. Vendem cafés, refrigerantes, lanches e salgados. Elas acabam definitivamente com qualquer possibilidade de retorno dos ambulantes. O Terminal recebe uma média de 70 mil pessoas diariamente. Duas empresas participaram da concorrência. 

Na manhã de quinta-feira, dia 6, as máquinas surpreenderam positivamente os usuários do transporte coletivo. Os vários tipos de café e salgados oferecidos atraíram muita gente. Os consumidores formaram filas nas quatro máquinas. Elas também eliminam a necessidade de uma lanchonete no local. A empresa que venceu a concorrência vai pagar à Emurb (Empresa Municipal de Urbanismo), que administra o terminal, R$ 1.280,00 ao mês para explorar o serviço oferecido pelos quatro equipamentos. Caso elas, juntas, ultrapassem o faturamento de R$ 5 mil ao mês a empresa paga um bônus de R$ 200 a mais por equipamento instalado. Esse valor deve ser alcançado todos os meses.

A instalação do equipamento que vai gerar receita para a Emurb é apenas um passo que a empresa pública dá para amenizar os custos mensais da manutenção do novo terminal. Embora não tenha sido divulgado, a Emurb tem que colocar muito dinheiro todos os meses. Por isso, também procura agências de publicidade e anunciantes para ocupar os espaços que serão destinados à propaganda e publicidade. Ainda segundo informações, a Procuradoria do Município está auxiliando para que todo o processo seja feito dentro da legalidade (concorrência pública).

Outra forma de levantar dinheiro é a instalação de uma Rádio Terminal. Ela será criada com um regramento jurídico que permite que sejam veiculadas propagandas entre as informações que serão repassadas aos usuários. Serão informações de utilidade pública, além daquelas que interessam diretamente ao usuário, como chegadas e partidas de ônibus. A Rádio Educativa FM, do município, está fora da jogada porque ela não pode veicular propaganda paga.

Por Rubens Celso Cri em 06/02/2020 23:59
Taflex 28/05/2020