Política

Vereadores fazem sessão rápida e evitam comemoração; derrotados não se manifestaram

A maioria dos vereadores reeleitos discursou e falou sobre a vitória

Em sessão curta vereadores de Rio Preto celebram vitória discretamente em respeito aos que perderam a eleição. Apenas dois dos vereadores derrotados na eleição do último domingo se pronunciaram durante a sessão desta terça-feira. Zé da Academia, Patriota, e Marco Rillo, Psol.

Além deles, também foram derrotadas nas urnas, Jean Dornellas, MDB, Márcia Caldas, PSD e Gerson Furquim, Podemos, José Carlos Marinho, Podemos e Marco Rillo elegeram vereadores os filhos  Bruno e João Paulo.

Zé da Academia não lamentou a derrota. Contou que as adversidades fazem parte de sua vida e mesmo assim ele é uma pessoa vitoriosa. Zé não conheceu o pai, a mãe morreu ele era criança, engraxou sapatos na Praça Rui Barbosa e chegou a vereador. Ele tem uma academia de ginástica. Ficou na Câmara quatro anos. Afirmou que volta.  

Marco Rillo, Psol, deixa a Câmara depois de 5 mandatos. Para ele, deixar a Câmara dia 31 de dezembro não é novidade. Ele foi candidato a prefeito pela Psol e perdeu. Ficou em 4º lugar. A sua cadeira deve ser ocupada pelo filho, ex-deputado estadual João Paulo Rillo, que foi eleito vereador pelo partido.

Quem não tocou no assunto eleição, na verdade eles não usaram o microfone para qualquer manifestação além do voto, foram Jean Dornellas, MDB, Gerson Furquim, Podemos, e Márcia Caldas, PSD.

Por Rubens Celso Cri em 18/11/2020 10:54