Política

Edinho recebe a prefeita eleita em Bauru, Suéllen Rosim

Com apenas 32 anos, Suéllen, que é jornalista, se tornou a primeira mulher eleita prefeita de Bauru

O prefeito Edinho Araújo e o vice-prefeito eleito, Orlando Bolçone, receberam na manhã desta sexta-feira (4) a visita da prefeita eleita em Bauru, Suéllen Rosim (Patriota). Também estiveram no Gabinete a mãe e o pai de Suéllen, Lúcia e Dozimar Rosim.

Durante a visita, Suéllen acompanhou a exibição de um vídeo institucional de apresentação da cidade. “Sou apaixonada por Bauru. Os desafios durante a eleição foram inúmeros e o meu sonho agora é ver o desenvolvimento da minha cidade”, afirmou Suéllen Rosim.

Com apenas 32 anos, Suéllen, que é jornalista, se tornou a primeira mulher eleita prefeita de Bauru. Ela recebeu 89.725 votos, o que corresponde a 55,98% dos votos válidos.

Suéllen continua sua visita por Rio Preto durante a tarde desta sexta-feira. Acompanhada do vereador Patrick Teixeira, vereador de Agudos (SP), Ovasco Resende (presidente do Patriota), Bárbara Resende (Jurídico do Patriota, Ronaldo Martins (secretário geral do Patriota) e do secretário de serviços Gerais de Rio Preto, Ulisses Ramalho eles visitam o Anel Viário, a Estação de Tratamento de Água do SeMAE, o SeMAE, o Partec e a Usina de Reciclagem.

Ataques racistas 

Logo após ser eleita, Suéllen foi vítima de ataques racistas que repercutiram nacionalmente. Ela recebeu mensagens com forte conteúdo em que um homem se referia a ela como 'macaca' e disse ainda que compraria uma pistola para matá-la. Suéllen registrou boletim de ocorrência e o caso foi amplamente divulgado pelos principais veículos de comunicação do país.

Ontem, dia 4, a Polícia Civil identificou o autor das ofensas racistas contra a prefeita eleita. O suspeito é um homem negro de 37 anos que disse que apenas queria "despertar uma discussão". O homem, que é investigado pelo crime de injúria, prestou depoimento e foi liberado.

Por Da Redação em 04/12/2020 13:05