Política

Edinho Araújo faz juramento e toma posse pela 4º vez prefeito de Rio Preto

Ele e seu vice-prefeito, Orlando Bolçone, assumiram os cargos pela internet para evitar aglomeração e respeitar o lockdown decretado pelo governo estadual nas 642 cidades paulistas

O prefeito Edinho Araújo, MDB, tomou posse pela 4ª vez prefeito de São José do Rio Preto. Ele ocupou o cargo 12 anos (2001/2004 – 2005/2008 – 2016 – 2020).  O prefeito e seu vice, Orlando Bolçone, DEM, optaram pela posse virtual. Seguem as restrições impostas pelo lockdown decretado pelo governo do estado devido a pandemia de Covid-19. Ao final de 2024 Edinho terá permanecido 16 anos no cargo. A cerimônia foi na Câmara Municipal, com início às 10h. 

Em seu discurso, o prefeito “que acredita na política que constrói ponte” e que seja “forjada na ética” e na “defesa intransigente do interesse público”. Ele lamentou que a posse é no meio de uma pandemia e se solidarizou com as famílias que perderam entes queridos por causa da doença. E voltou a pedir para a população que respeite as regras sanitárias impostas pela pandemia. E anunciou que já está trabalhando para fomentar uma saída para a crise. Anunciou que os secretários vão elaborar um plano de desenvolvimento para os próximos 10 anos. 

Na sequência, o prefeito seguiu para a Prefeitura. Às 12h ele vai dar posse aos 21 secretários municipais, ao superintendente do Semae, diretores das empresas públicas (Emurb, Emcop e Empro). O vice-prefeito Orlando Bolçone assume a secretaria do Planejamento. 

Edinho Araújo entrou para a vida pública aos 23 anos. Candidatou-se a prefeito de Santa Fé do Sul. Perdeu. Na eleição seguinte foi eleito. Em 1982 se elegeu deputado estadual, deputado constituinte estadual, deputado federal, ministro chefe da Secretaria Nacional dos Portos e prefeito de Rio Preto. Em 2024 ele estará na vida pública há 48 anos consecutivos. Desde 1978. São 14 mandatos consecutivos sem perder uma eleição.

Por Rubens Celso Cri em 01/01/2021 11:32