Política

Prefeito Edinho recebe a visita do Secretário Nacional de Habitação

Foi assinado protocolo de intenções do “Programa Casa Verde Amarela” para mais moradias no município

O secretário nacional de Habitação Alfredo Eduardo dos Santos visitou Rio Preto nesta quinta-feira (11), recebido pelo prefeito Edinho Araújo no gabinete no 8º andar da Prefeitura. Durante a reunião técnica, Santos explicou ao prefeito Edinho, autoridades e técnicos os principais pontos do novo programa habitacional do governo federal , “Casa Verde Amarela”. 

O novo programa de construção popular  pretende reduzir o déficit  habitacional no país ampliando as parcerias com as prefeituras municipais e com a iniciativa público-privada para a construção de casas populares, financiamentos para melhorias nas residências e a regularização fundiária nos municípios.

O secretário municipal de Habitação Manoel de Jesus Gonçalves apresentou um panorama atual dos programas desenvolvidos pelo munícipio no setor habitacional e das dificuldades enfrentadas pelo poder público municipal para a regularização de loteamentos irregulares e sem infraestrutura da cidade. 

Segundo Gonçalves, Rio Preto conta hoje com 108 núcleos habitacionais, sendo 63 regularizados e 24 em fase final de regularização e os demais cumprindo etapas de regularização e de estudos de viabilidade que buscam regularização. 

Durante a reunião, o prefeito Edinho pediu esclarecimentos ao secretário nacional e manifestou interesse em participar do programa. No final da reunião foi assinado um protocolo de intenções da participação do município nesse novo programa habitacional do Governo Federal para a construção de unidades habitacionais e regularização fundiária.

Participaram também do encontro o vice-prefeito e secretário do Planejamento Orlando Bolçone, o superintendente do Semae Nicanor Batista, o chefe de gabinete Zeca Moreira; secretário de Governo Jair Moretti; secretário de Comunicação Mário Soler além do presidente da Emcop Pedro Nimer e assessores técnicos da Prefeitura de Rio Preto e da Secretaria Nacional de Habitação que é vinculada ao Ministério de Desenvolvimento Regional.

Também presentes o presidente da Câmara Pedro Roberto e os deputados Geninho Zuliani e Itamar Borges.

O secretário Alfredo dos Santos ressaltou a preocupação com a habitação e a visão social do prefeito Edinho e seus gestores públicos e também da qualidade técnica da reunião. “Ao ouvir as colocações dos técnicos e parlamentares durante a reunião, tenho bastante convicção de que algumas dessas propostas serão atendidas pelo programa nacional, gerando a possibilidade de muitos cidadãos de Rio Preto, aqueles que já construíram suas casas com recursos e esforço próprio e que esperam há anos pelo título, sejam atendidos agora, resolvendo assim um dos poucos problemas que o município de Rio Preto ainda tem a resolver  e ainda poder  melhorar e ampliar essas moradias com a ajuda desse programa nacional. A probabilidade do município ser atendido pelo programa  é muito grande”, afirmou o secretário.   

Representantes da Caixa e o presidente da Construtora Pacaembu Wilson Almeida, parceiros da Prefeitura na construção e entrega de mais de 12 mil unidades  no município, também participaram da reunião.  

   Assinatura 

A adesão ao programa se dá por meio do site da Secretaria Nacional de Habitação. Provavelmente no mês de março será aberto o cadastramento de agentes financeiros e a partir daí as empresas  e construtoras apresentarão as propostas.

Durante a reunião na Prefeitura, o prefeito Edinho, o secretário Alfredo dos Santos e Fred Escobar diretor da Pacaembu, que está construindo hoje 1.048 moradias na bairro planejado Residencial Vida Nova Pacaembu (na saída de Ipiguá),  promoveram a assinatura simbólica do primeiro contrato de financiamento com a Caixa, por meio do programa Casa Verde e Amarela, que possibilita a muitas famílias rio-pretenses saírem do aluguel.

Por Da Redação em 11/02/2021 16:30