Política

Câmara vota contra convocação de secretária para explicar vacinação dos professores

Nove vereadores votaram contra a convocação e quatro a favor

A Câmara Municipal se recusou a convocar na sessão desta terça-feira, dia 13, a secretária de Educação, Fabiana Zanqueta. O vereador João Paulo Rillo, Psol, queria que ela explicasse por que os professores do ensino especial não foram relacionados para se imunizarem contra a Covid-19. Nove vereadores votaram contra a convocação e quatro a favor.

 Zanqueta diz que espera uma definição da secretaria Estadual de Educação para saber se esses professores estão enquadrados como profissionais da educação básica. João Paulo diz que Rio Preto é a única cidade do estado que fez essa leitura. Nota da assessoria de imprensa da secretaria estadual diz que eles são profissionais da Educação Básica.

 A proposta gerou discussão no Plenário da Câmara. O vereador Bruno Moura, PSDB, Paulo Pauléra, PP, e Odelio Chaves, PP, disseram que a secretária não disse que esses professores não fazem parte da educação básica. Apenas espera que a Secretaria Estadual lhe dê uma posição definitiva.

 Zanqueta foi convidada pela Comissão Permanente de Educação na Câmara para explicar os motivos pelos quais não se convocam mais professores concursados e aprovados mesmo tendo vagas. Bruno Moura diz que além da Educação, a contratação de profissionais para todas as secretarias necessita de pareceres favoráveis da Secretaria de Administração. 

A reunião ainda não foi marcada.

Contra

Jorge Menezes (PSD)

Cabo Júlio (PSD)

Karina Carolina (Republicanos)

Odélio Chaves (PP)

Paulo Paulera (PP)

Rossini Diniz

Bruno Moura (PSDB)

Celso Luiz Peixão (MDB)

Claudia De Giulli (MDB)

Favor

Renato Pupo (PSDB)

Robson Ricci (Republicanos)

Jean Charles Serbeto (PSDB)

João Paulo Rillo (Psol)

Ausentes

Anderson Branco (PL)

Bruno Marinho (Patriotas)

Francisco Júnior

Não vota

Presidente Pedro Roberto Gomes (Patriotas)

Por Rubens Celso Cri em 13/04/2021 16:55