Redes Sociais

Política

Concessionária diz que obras da terceira faixa na Washington Luís começam em 2025

Assunto foi levantado durante uma reunião do Parlamento Regional Metropolitano, na Câmara de Rio Preto

Publicado há

em

Divulgação/Pref. de Rio Preto

A concessionária Econoroeste, que administra a rodovia Washington Luís, informou que as obras da terceira faixa, entre as cidades de Mirassol e Cedral, devem começar a partir do próximo ano. A empresa também negou a previsão de instalação de uma praça de pedágio em Cedral.

O assunto foi abordado durante a reunião do Parlamento Regional Metropolitano, realizada na manhã desta quinta-feira (9), no auditório da Câmara de Rio Preto. Dos 37 representantes das Câmaras das cidades que compõem a Região Metropolitana de Rio Preto, onze compareceram ao encontro.

A audiência foi para a aprovação do novo regimento interno do grupo, mas os membros presentes concordaram em elaborar um documento a ser encaminhado para a concessionária com questionamentos. “É uma obra que nem começou e já está atrasada. Precisamos dessa terceira faixa urgente. É uma questão de segurança dos nossos moradores”, afirmou o presidente da Câmara de Monte Aprazível, Marcos Cesar Caminhola Batista (PV).

Para o presidente da Câmara de Rio Preto, Paulo Pauléra (Progressistas), é necessário entender a negociação entre o Governo do Estado de São Paulo e a concessionária. “Temos uma situação que precisa ser resolvida com urgência e queremos entender da empresa que administra a rodovia quais são os prazos e os termos do contrato com o Governo de São Paulo para a concessão da pista, que vai durar 30 anos. A situação da rodovia já é insustentável”, afirmou.

Outro tema abordado na reunião foi a possibilidade da construção de uma praça de pedágio próximo à cidade de Cedral. Os vereadores repudiaram uma nova cobrança. “A população de Ibirá depende de Rio Preto para trabalhar. É um caminho diário de grande parte dos trabalhadores e é completamente inviável para a cidade uma nova praça de pedágio ali”, disse Sônia Beolchi (Cidadania), representando a Câmara de Ibirá.

Por meio de nota, a concessionária informou que a construção da terceira faixa na Rodovia Washington Luís (SP-310), entre Mirassol e Cedral, está com os projetos iniciais prontos e em fase de detalhamento. “Segundo contrato de concessão, as obras e intervenções urbanas contemplam marginais e faixas adicionais do km 425 + 000 ao km 454 + 300 e têm previsão para serem iniciadas em 2025, com término previsto para 2027”, consta na nota.

A concessionária informou ainda que “não está prevista a instalação de nenhuma praça de pedágio adicional em nosso contrato de concessão”, se referindo a possibilidade da construção de uma praça de pedágio na cidade de Cedral.

AS MAIS LIDAS