Saúde

Projeto do Sesc debate ao vivo o fantasma do envelhecimento

O encontro faz parte da série ‘Ideias’, iniciativa do Sesc SP para estimular a reflexão e o debate sobre temas do mundo contemporâneo

O que significa envelhecer em pleno século XXI? E sobretudo hoje, em meio à pandemia? Os diversos aspectos do processo de envelhecimento serão temas de bate-papo ao vivo, nnessa segunda-feira, dia 25, a partir das 16 horas. O encontro faz parte da série ‘Ideias’, uma iniciativa do Sesc SP para estimular a reflexão e o debate sobre temas do mundo contemporâneo, com transmissão ao vivo, no Youtube do Sesc SP.

A influenciadora digital Elca Rubinstein e os diretores da série Envelhecer, Cláudia Erthal e Paulo Markun, comentam as experiências do envelhecer a partir do ponto de vista dos próprios idosos e fazem considerações sobre os efeitos do isolamento social decorrente da pandemia. Nas duas datas, a mediação será da jornalista Beltrina Corte. As conversas partem da série Envelhecer, dirigida por Claudia Erthal e Paulo Markun. Composta por 13 episódios, aborda as diferentes facetas do envelhecimento hoje, como o valor da experiência; autonomia; preconceito; moradas; ausências; trabalho; sexualidade e finitudes. Assista gratuitamente e sem sair de casa, em sesctv.org.br.

 

Sobre os participantes:

Beltrina Côrte – Jornalista e docente da Puc – SP e CEO do Portal do Envelhecimento e Longeviver.

Cláudia Erthal – Jornalista com experiência em direção, roteiro, edição de documentários, reportagens, vídeos e filmes. Trabalha com criação e desenvolvimento de produtos audiovisuais para produtoras, agências, emissoras de TV e Internet. 

Paulo Markun – Jornalista há 49 anos, escritor e documentarista. Dirigiu mais de uma centena de documentários e séries de ficção, escreveu 15 livros, lançou e dirigiu diversos veículos de comunicação.

Elca Rubinstein – 74 anos, é PhD em economia, ex-professora da Unb e da USP, e ex-funcionária do Banco Mundial. Ao se aposentar, especializou-se em gerontologia e envelhecimento, dirigiu o documentário Branco e Prata, iniciou o Death Café São Paulo e, no ano passado, completou a formação rabínica.  

Jorge Forbes – Psicanalista e Médico Psiquiatra; Doutor em Teoria Psicanalítica pela Universidade Federal do Rio de Janeiro – UFRJ. Doutor em Ciências pela Universidade de São Paulo – USP – Faculdade de Medicina (Neurologia); Mestre em Psicanálise pela Universidade Paris VIII. A.M.E; Analista Membro da Escola Brasileira de Psicanálise e da Escola Europeia de Psicanálise; Membro da Associação Mundial de Psicanálise – AMP; Presidente do Instituto da Psicanálise Lacaniana – IPLA. Diretor da Clínica de Psicanálise do Centro do Genoma Humano – USP. Autor de vários artigos e livros. Prêmio Jabuti. Criador do Programa TERRADOIS para a TV Cultura, premiado pela APCA como o melhor programa da televisão brasileira em 2017.

Fonte: Sesc SP

Por Da Redação em 23/05/2020 20:00
TerrasAlphaville