Saúde

Hospital de Base torna-se membro da União Internacional para Controle do Câncer

Entidade já dá inicio a projeto que beneficia população

O Hospital de Base de Rio Preto tornou-se membro da União Internacional para Controle do Câncer (UICC), organização que, entre outras ações, dissemina e compartilha conhecimento e promove o aprimoramento dos profissionais de oncologia, beneficiando os pacientes e a população em geral. E a inclusão do HB na UICC já resulta na realização pelo hospital do primeiro projeto que terá impacto sobre a comunidade.

O Serviço de Oncologia Clínica irá desenvolver um banco de dados de pacientes com câncer de mama (sem identificá-las) com informações como perfil de cada indivíduo, o subtipo de câncer, o tipo de tratamento, sua evolução e desfechos oncológicos, entre outras. "O conjunto de dados dos milhares de pacientes atendidos pelo Hospital de Base permitirá termos um mapeamento epidemiológico deles, material valioso para estudos e pesquisas que beneficiem a população", ressalta Daniel Vilarim Araújo, chefe do Serviço do Oncologia Clínica do Hospital de Base.

A contribuição que o HB de Rio Preto poderá oferecer a oncologia no país é relevante, já que o Instituto do Câncer (ICA) do hospital é um dos serviços especializados do Estado com maior volume de atendimento. No ano passado, foram mais de 10 mil consultas, atendidas por seus nove médicos oncologistas e 11 residentes médicos, num total de 20 profissionais, além de equipe multidisciplinar. 

A UICC, participará na instituição do banco de dados do HB compartilhando o seu vasto conhecimento e experiência no desenvolvimento destes projetos, afinal, é uma organização sem fins lucrativos que reúne mais de 1.000 instituições de saúde, de 162 países.

"Este projeto é o início de inúmeras parcerias que o Hospital de Base terá com a UICC. Como membros desta organização, o HB está inserido agora numa gigantesca comunidade internacional para compartilharmos informações, experiências, enfim conhecimento em prol do aprimoramento de nossos profissionais, em benefício de nossa população", afirma Dr. Daniel.

Aprimoramento e formação profissional

A UICC é também o acesso para médicos, profissionais de enfermagem e de outras áreas da Saúde do complexo da Funfarme para se aprimorarem. Sua rede de 1.000 instituições proporciona que o profissional possa participar de programas de estágio, fellow e formação de liderança, entre muitos outros.

O profissional interessado pode acessar o site da União Internacional para Controle do Câncer www.uicc.org para conhecer os vários programas e serviços oferecidos e obter mais informações também com Dr. Daniel Vilarim Araújo, no Serviço de Oncologia Clínica.

União Internacional para Controle do Câncer (UICC)

A União Internacional para Controle do Câncer se dedica a defender iniciativas que unam a comunidade afetada pelo câncer para reduzir a carga global da doença, promover uma maior igualdade e integrar o controle do câncer na agenda mundial da saúde e do desenvolvimento (conheça mais a UICC ao final do texto).

Fundada em 1933 e sediada em Genebra, na Suíça, a UICC é a maior e mais antiga organização internacional contra o câncer. Com mais de 1.000 membros e 56 parceiros em 162 países, a UICC conta com as sociedades de câncer, os ministérios da saúde, os institutos de pesquisa e tratamento, os grupos de pacientes e líderes do setor mais relevantes do mundo.

Durante muitos anos, a UICC ganhou a reputação de ser uma voz independente e objetiva para o controle do câncer, exortando os governos a agirem e garantirem que isso seja uma prioridade entre as organizações influentes, como a Organização Mundial da Saúde (OMS) e o Fórum Econômico Mundial (FEM).

Através do status da UICC no Conselho Econômico e Social da ONU (ECOSOC), a organização também trabalha em estreita colaboração com as principais agências da ONU, incluindo a Agência Internacional de Pesquisa em Câncer (IARC), o Escritório das Nações Unidas sobre Drogas e Crime (UNODC, sigla em inglês) e a Agência Internacional de Energia Atômica (AIEA).

A UICC e seus parceiros multissetoriais estão comprometidos em impulsionar a criação de valor compartilhado e focar na implementação e ampliação de programas sustentáveis e de qualidade que abordem a carga global de câncer e outras doenças não transmissíveis (DNTs).

A UICC é membro fundador da Aliança contra DNTs, uma rede mundial da sociedade civil que representa, atualmente, quase 2.000 organizações em 170 países.

Por Da Redação em 19/10/2020 16:45