Redes Sociais

Saúde

Rio Preto registra a 1ª morte por chikungunya na cidade em 2024

Vítima é uma mulher com 63 anos, que tinha comorbidades

Publicado há

em

Pixabay

A Secretaria de Saúde de Rio Preto confirmou, nesta segunda-feira (17/6) o primeiro óbito por chikungunya em uma moradora da cidade. Trata-se de uma mulher, de 63 anos, que tinha comorbidades.

Segundo a pasta, a vítima apresentou os primeiros sintomas no dia 23 de abril e morreu no dia 9 de maio. O Instituto Adolfo Lutz atestou a morte por chikungunya em junho.

De janeiro até junho, 1.478 casos da doença foram confirmados na cidade.

AS MAIS LIDAS