GAZETA DIGITAL ISSUU - Gazeta de Rio PretoISSUU - Gazeta de Rio Preto

Política

Frota de ônibus com ar-condicionado chega a Rio Preto

Veículos entram em operação neste mês quando 36 novos modelos forem entregues pelas empresas

Cumprindo promessa de campanha, os primeiros ônibus com sistema de ar-condicionado do transporte coletivo, anunciados pelo prefeito Edinho Araújo (MDB), já estão em Rio Preto. Ao todo serão 36 veículos, sendo 23 da Circular Santa Luzia e 13 da Expresso Itamaraty, as duas empresas que formam o consórcio Riopretrans que detém o controle do serviço de transporte coletivo da cidade.

Parte dos ônibus, fabricados no Rio de Janeiro, que vai integrar a frota já está na garagem da Circular, seis no total, mas ainda não serão utilizados. Isso só deve acontecer quando todos os veículos estiverem na cidade e forem incorporados à frota das duas empresas. No fim do mês passado, o prefeito Edinho anunciou em sua rede social que “representantes do consórcio responsável pelo transporte coletivo da cidade estiveram no Rio de Janeiro fazendo a inspeção de 36 novos ônibus com ar-condicionado. A previsão é que circulem a partir da segunda quinzena de julho”, destacou.

Serão veículos médios, os chamados midiônibus, com capacidade para 70 lugares. Os novos ônibus com sistema de refrigeração terão um layout diferente dos atuais coletivos. No lugar do amarelo, vermelho e azul dos ônibus da Circular Santa Luzia, 23 veículos zero quilômetro da empresa serão prata e cinza com uma faixa amarela. Já os 13 coletivos que virão para a Itamarati terão faixa vermelha. Nos dois casos, os veículos virão com a inscrição "ar-condicionado" na parte externa. Os midiônibus terão apenas duas portas, ao invés de três como nos ônibus convencionais. Para entrar em circulação, os veículos passam primeiro pela regularização dos documentos e emplacamento. A previsão é de superado todo o aspecto legal, os novos veículos comecem a circular até o fim deste mês. Os 36 ônibus com sistema de refrigeração correspondem a 15% da frota total de veículos de 270 ônibus.

A promessa da implantação dos novos ônibus ocorreu em janeiro quando Edinho autorizou reajuste da tarifa para R$ 3,30 - um aumento de 6,45%. Os valores estão em vigor desde o dia 6 de janeiro. O valor cobrado dos passageiros não sofrerá alteração. Segundo a Prefeitura as linhas mais movimentadas serão as que vão contar com os ônibus com ar-condicionado, neste primeiro momento.

A frota será substituída gradativamente já que cada ônibus tem de ter no máximo 10 anos de uso, como determina o contrato de concessão assinado em 2011 entre Prefeitura e as empresas. Cada veículo com ar-condicionado custou cerca de R$ 350 mil as empresas de transporte. Usuários comemoraram a chegada dos novos ônibus. A empregada doméstica Maria de Lourdes, de 57 anos, afirma que vai amenizar os transtornos nos dias quentes. “Rio Preto é muito calor e sofremos bastante com a lotação. Com ar-condicionado vai melhorar”. Para o pintor Josué Amaral, de 38 anos, a Prefeitura tem que priorizar as linhas mais procuradas. “Tem que ver onde o pessoal mais sofre, as linhas com mais pessoas”, diz.

 

Por Da Redação em 04/07/2019 às 23:59
TerrasAlphaville