Cidades

Feirantes, ambulantes e artesãos têm linha de crédito especial aberta pela Prefeitura

Foram definidos três programas para diminuir os impactos econômicos que a pandemia de Covid 19 provoca aos pequenos e micro empresários

O secretário de Desenvolvimento Econômico e Negócios de Turismo, Jorge Luiz Souza, disse nesta segunda-feira, dia 30 de março, que a Prefeitura definiu três programas para diminuir os impactos econômicos que a pandemia de Covid 19 provoca aos pequenos e micro empresários, formais e informais. Os três programas são dirigidos aos feirantes, aos ambulantes e aos artesãos.

O primeiro programa, que vai atender aos feirantes, foi acertado entre a Prefeitura, o Sindicato dos Feirantes e a secretaria de Agricultura e Abastecimento. O segundo, com a Associação dos Ambulantes e o terceiro com a Associação dos Artesãos. Em todas as situações, eles terão crédito liberados pelo Banco do Povo. Os valores são entre R$ 3 e R$ 5 mil. Os empréstimos de R$ 3 mil não necessitam de avalista. Mas todos eles terão que ter do tomador as mesmas garantias der um empréstimo bancário.

O dinheiro vai ser liberado imediatamente e os tomadores terão juros de 0,35% ao mês, carência de 90 dias para começar a pagar e eles podem ser saldados em 36 prestações.

Por Rubens Celso Cri em 30/03/2020 19:51